autor(a): Aimé Césaire

Uma tempestade


Explorando os efeitos da colonização sobre a cultura e identidade dos povos nativos, e também debatendo sobre as relações de poder e controle entre colonizador e colonizado, Aimé Césaire faz releitura da peça "A tempestade", de William Shakespeare.

68,00

Conheça a obra

autor(a): Eugène Ionesco; tradutor(a): Marina Bento Veshagem; posfácio: Marie-Claude Hubert

Macbett


Releitura de "Macbeth", de William Shakespeare, "Macbett" traz o tema do assassinato em nova escala, dando lugar aos homicídios em massa e à violência, que se expande para além dos palcos.

72,00

Conheça a obra

autor(a): Marguerite Duras

Savannah Bay


A história de "Savannah Bay" é a da construção de uma história que nunca se completa, ou, quando muito, se completaria apenas por atividade do leitor ou espectador

64,00

Conheça a obra

autor(a): Frank Wedekind

Marquês de Keith


Escrita desde 1899 e encenada em 1901, a peça une criações anteriores do autor, refletindo sua experiência em circos e cabarés. Como é comum na literatura de Wedekind, este texto desafia convenções sociais, abordando a nobreza, as classes populares e as aspirações modernas em uma época de transição

58,00

Conheça a obra

autor(a): Elfriede Jelinek

O que aconteceu após Nora deixar a Casa de Bonecas ou Pilares da Sociedade


O argumento desta obra, escrita em 1979 pela Nobel de Literatura Elfriede Jelinek, nasce de um interesse que sempre moveu a atividade criadora da autora: resgatar figuras femininas, reais ou literárias, como forma de tematizar questões sociais profundas e complexas

68,00

Conheça a obra

autor(a): Kossi Efoui

A encruzilhada


Escrita pelo togolês Kossi Efoui no início da década de 1990, esta peça verte em poesia vidas ressecadas pelo autoritarismo, vidas daqueles que, nas palavras de um dos personagens, precisaram aprender a se confundir com o cenário para poderem se manter vivos

49,00

Conheça a obra

autor(a): Aimé Césaire; Prefácio: Juliana Estanislau de Ataíde Mantovani

Uma temporada no Congo


Publicada em 1967, esta peça, com tradução inédita em português brasileiro, abarca cronologicamente os acontecimentos que se deram na República Democrática do Congo entre 1959 e 1961, retomando os eventos políticos da independência e da subsequente nomeação de Patrice Lumumba como primeiro-ministro, indo até o assassinato do líder congolês, que resistiu e lutou pela libertação de seu país

64,00

Conheça a obra

autor(a): Marguerite Duras; tradutor(a): Angela Leite Lopes

La Musica e La Musica segunda


Um casal há muito tempo separado se encontra para formalizar o divórcio. No salão do hotel em que uma vez moraram juntos, se lançam para uma conversa derradeira. Assim começa "La Musica", de Marguerite Duras, escrita em 1965. Vinte anos depois, em 1985, a escritora concebe "La Musica segunda", adaptada a partir da primeira versão. As peças, inéditas em livro no Brasil, ganham agora edição crítica

74,00

Conheça a obra

autor(a): Frank Wedekind; tradutor(a): Vinicius Marques Pastorelli

O despertar da primavera: uma tragédia infantil


Em nova tradução brasileira, feita diretamente do alemão, esta peça que contribuiu para definir os rumos do teatro no século XX inaugura a coleção de teatro moderno da Temporal

48,00

Conheça a obra

autor(a): Jean-Pierre Sarrazac

Crítica do teatro I: da utopia ao desencanto


Neste livro, que inaugura a coleção de ensaios da Temporal, Sarrazac rejeita a “crítica de teatro” – entendida como uma crítica estritamente jornalística – e propõe uma “crítica do teatro”. Isto é, um debate mais profundo a respeito da própria ideia do teatro, cujo propósito maior não é o de julgar, mas o de avaliar. Para o autor, tal estado se mantém no exame, na observação e na análise de seu objeto, que, aqui, trata-se do teatro propriamente dito.

68,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

Moço em estado de sítio


Escrita em 1965, esta peça sintetiza as dificuldades do engajamento político, as disputas em torno das diferentes correntes estéticas da arte e os dilemas éticos e materiais enfrentados pela esquerda brasileira a partir da ruptura institucional de 1964

56,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

Mão na luva


Primeira incursão lírica de Oduvaldo Vianna Filho, nesta peça de 1966 um casal discute sua separação iminente, relembra os anos de matrimônio e revela conflitos mais profundos que se misturam aos impasses que vive o Brasil pós-1964

56,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

Corpo a corpo


Escrita em 1970, esta peça lança luz sobre um homem dividido entre a solidariedade e a ambição, a liberdade e a monogamia, a escolha de seu próprio país ou a vida fora dele

52,00

Conheça a obra

autor(a): Botho Strauss

Trilogia do reencontro


Desde sua polêmica montagem de estreia, em 1977, esta peça de Botho Strauss tem sido motivo de debate, seja pela ausência do drama ou pelo retrato contundente da crise da subjetividade da classe média

72,00

Conheça a obra

autor(a): Jean-Paul Alègre; tradutor(a): Flávia Lago

Eu, Ota, rio de Hiroshima


Neste ano em que se completam 75 anos do lançamento da bomba atômica em Hiroshima, esta peça traz um ponto de vista ainda não observado do acontecimento: o da natureza. 

58,00

Conheça a obra

autor(a): Thomas Bernhard; tradutor(a): Christine Rõhrig

Praça dos Heróis


Escrita em 1988, esta polêmica peça de Thomas Bernhard traz uma reflexão crítica sobre o nacionalismo e o antissemitismo na Áustria moderna

60,00

Conheça a obra

autor(a): David Hare; tradutor(a): Clara Carvalho

O poder do sim


Nesta peça, o célebre dramaturgo britânico David Hare desvenda as impetuosas decisões por trás do modelo econômico capitalista que levaram à crise financeira de 2008 e seus ecos nos dias atuais

60,00

Conheça a obra

autor(a): Sérgio de Carvalho

Três peças da Companhia do Latão [box especial]


No box "Três peças da Companhia do Latão", a Temporal lança, em edição inédita e especial, as peças: "Os que ficam", "O pão e a pedra" e "Lugar nenhum". As obras são de autoria do dramaturgo Sérgio de Carvalho, em colaboração com o grupo teatral Companhia do Latão, e lançam olhar sobre o Brasil das décadas de 1960, 1970 e 1980, a partir de perspectivas, personagens e episódios distintos

145,00

Conheça a obra

autor(a): Sérgio de Carvalho

Os que ficam


Escrita em 2015, "Os que ficam" apresenta uma reflexão sobre as dificuldades da arte política na atualidade, a partir do retrato de um grupo de artistas que ensaia a peça "Revolução na América do Sul", de Augusto Boal, na década de 1970, período de endurecimento da ditadura civil-militar no Brasil

52,00

Conheça a obra

autor(a): Sérgio de Carvalho

O pão e a pedra


Em 1979, mais de setenta mil trabalhadores ocuparam o estádio de futebol da Vila Euclides, em São Bernardo do Campo, para debater a greve que, entre paralisações e tréguas, durou sessenta dias. Quarenta anos depois, em 2016, a publicação de "O pão e a pedra" traz à cena os principais agentes daquele momento histórico

60,00

Conheça a obra

autor(a): Sérgio de Carvalho

Lugar nenhum


Escrita em 2018, em comemoração aos vinte anos da Companhia do Latão, "Lugar nenhum" é uma peça-ensaio em que são exploradas as contradições e a paralisia de parte da intelectualidade brasileira frente às mudanças históricas que o país então vivia no fim da década de 1960

48,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

A longa noite de Cristal


Peça nunca publicada de Oduvaldo Vianna Filho, de 1969, apresenta os mecanismos e jogos de interesses do telejornalismo brasileiro com surpreendente atualidade

45,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

Papa Highirte


Escrito em 1968, Papa Highirte é o trabalho teatral mais significativo sobre o esforço da esquerda perante o autoritarismo, a tortura e a repressão dos anos mais duros do governo militar

45,00

Conheça a obra

autor(a): Oduvaldo Vianna Filho

Rasga coração - edição especial em dois volumes


Última peça de Oduvaldo Vianna Filho, Rasga coração é editada depois de 38 anos, acompanhada da pesquisa que lhe serviu de base

65,00

Conheça a obra